quinta-feira, 31 de outubro de 2019

{OPINIÃO} Sozinha com as Sombras, Beatriz Lúcio


Se imagine dentro de um lugar extremamente branco e cheio de outras pessoas. Esse lugar se chama Chapman e você está aí porque foi acusada de matar o seu pai. Passa mais de dez anos nesse lugar. Não recebe visitas e seus únicos amigos são fantasmas. Ah, você também passa pela disciplinadora que é um quarto onde, geralmente, você sofre abusos de uma outra mulher. Foda né? Bom, essa é a vida da Hanah.

Porém, um belo dia (?), alguém aparece no internato para visitá-la. Essa mulher se chama Nora e diz que trabalha para a sua madrasta e diz que no dia seguinte voltará para buscar Hanah e levar a menina pra casa. 

Hanah não sabia e nem tinha como saber que essa tal casa, não tinha lá muita coisa de casa. Na verdade, Nora não trabalha para a madrasta de Hanah, na verdade ela foi uma amiga (?) da mãe de Hanah, Lubea Morgan que, supostamente, está morta.



Ok, como se não bastasse isso tudo, ela ainda tem que lidar com o fato de que ela é filha de uma etsican e que as etsicans são mulheres resultantes de um pacto profano com uma entidade. Essa entidade fica com a alma de todas as mulheres e todo homem que nasce nas familias oriundas da mulher que fez o pacto, são sacrificados.

As etsicans são seres que podem ser comparados às bruxas, porém mil vezes pior. Elas tem poderes sobrenaturais e a carga dos poderes é mais forte se a etsican estiver mais perto da linhagem principal. Mas todas elas tem poderes em maior ou menor quantidade.

Nessa casa para a qual foi levada, Hanah convive com Soi Van Haven, um ser que fazia parte de uma Ordem Sagrada que mata seres das sombras (a Hanah) PORÉM ele foi amaldiçoado pela Lubea. Nesse primeiro livro não sabemos bem qual a dimensão da maldição, o que ela realmente é capaz de fazer, nem nada muito profundo, mas sabemos que Soi e Hanah meio que estão ligados por ela.

Agora lide com isso.

"Nós, às vezes, esquecemos que os humanos são capazes de horrores tão grandes ou piores que os seres que chamamos de monstros."

Devo dizer que eu já sabia desse lançamento há um bom tempo, eu sabia dele antes mesmo de ter terminado de ler Sempre Estive Aqui (privilégios?) e também já conhecia a escrita da Bia por causa da novela que ela tem em Todas as Letras e do conto na antologia O Papai Noel não vem aqui e eu já tinha certeza que eu ia amar o livro. Sem contar que, eu conversei com algumas pessoas que são mais próximas da Bia ou que já leram o livro e todo mundo elogia, realmente não tinha como dar errado.

O livro me conquistou logo de cara, já no prólogo a gente conhece um pouco do tal do pacto com a entidade, quem fez e porque fez e isso já conquistou meu coração. 

Como eu tive o privilégio de ter a Bia me acompanhando durante minha leitura e explicando as coisas que eu não tava entendendo, me mandando fotos e podcasts em forma de áudio, ouvindo minhas teorias, confesso que a minha experiência com esse livro foi extraordinária.

"Se qualquer pessoa pudesse ter opção em não viver nesse mundo que a gente vive, devia agarrar com todas as forças."

Por se tratar de uma série com mais ou menos um 6 livros fora os spin off, achei que o livro cumpre bem a promessa de nos apresentar a esse mundo das Sombras. Tanto que, mesmo ele não tendo grandes reviravoltas (só no final), eu simplesmente não conseguia parar de ler, essa coisa meio sombria tipo Stephen King que a Beatriz conseguiu colocar no livro todo, me hipnotizou demais. Tanto que, mesmo se eu soubesse que a cena tava se passando de dia, pra mim o dia tava cinza. Entende?

Tudo isso de esconder algumas informações, jogar as coisas pro leitor ligar os pontos e criar suas teorias, me fez ficar perdidamente apaixonada! Eu gritei tanto nesse livro, cada revelação que eu pegava era um grito diferente, quando eu comecei a ligar os pontinhos e criar umas teorias que faziam sentido eu só sabia gritar e mandar mensagem pra Bia contando tudo!

Desnecessário dizer que eu tô ansiosa pra ler o segundo livro né?! O final do primeiro foi só tiro porrada e bomba pra tudo quanto é canto e eu PRECISO saber de muitas coisas, que eu tenho fé que serão explicadas no segundo livro e eu também terei novos problemas com mais teorias do segundo pro terceiro, mas a gente segue a vida kkkkkk

"Uma garota com tanta escuridão dentro de si, às vezes, tinha medo de não encontrar luz para acordar mais um dia."

O lançamento oficial do livro é hoje, 31/10, e se eu ainda não tiver te convencido a ler o livro, você pode ir no perfil da editora resistência, lá eles fizeram um desvendando personagens muito maravilhoso e eu também fiz uma série de posts super especiais pra esse mês. Ah! Cê também pode aproveitar que o livro tá de graça hoje na Amazon!

14 comentários:

  1. oi!
    Eu adorei a dica :D o livro é bem interessante, não conhecia o trabalho da Beatriz...

    ResponderExcluir
  2. Essa história parece ser de arrepiar. Deu até um certo mes8nho! Heheh Não conhecia a autora, mas vou dar uma pesquisada! Desde já desejo muito sucesso!

    ResponderExcluir
  3. Ai, sua linda, muito obrigada por todo empenho nesse projeto, por ter lido e ter feito todo esse trabalho de apoio e divulgação, nunca vou poder agradecer o suficiente. Adorei ter uma leitora no meu whats falando sobre suas teorias e pequenos surtos com o enredo. Obrigada de verdade! Adorei a resenha e espero você na Escolhida da Escuridão.

    ResponderExcluir
  4. Menina, comecei a ler e já fiquei com aquea agoniazinha, saca? Acredito que o livro é muito bom mesmo, e eu não conhecia a escritora. Adorei e já vou procurá-la <3

    xêro
    Johany Medeiros

    ResponderExcluir
  5. Pera gente só essa capa me deixou maluca! Amo uma história de arrepiar e olha a data de lançamento!
    Meu único desanimo é que uma série de seis livros. Não sou fã de livros em série, me dá nervoso esperar para ler o próximo hahahahaha.
    Mas acho legal a autora cuidar para criar a história.

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o trabalho da Beatriz Lúcio, mas fiquei muito interessada nessa obra! Adorei a capa do livro, a temática e a sua resenha, que me deu ainda mais curiosidade para ler.

    Beijos,

    Isa Gomes

    ResponderExcluir
  7. Fiquei animada para ler, mas depois que você seis livros... para mim não rola. No máximo trilogia. Mas a história é instigante. A capa ficou muito bonita.

    ResponderExcluir
  8. O que mais gosto no seu blog é isso: você apresenta tantos nacionais ótimos hahaha. Apesar do gênero não me chamar tanta atenção, gostei de conhecer um pouquinho mais sobre ele e, sem dúvidas, para quem curte, vai adorar essa história.

    Beijos,
    Blog PS Amo Leitura

    ResponderExcluir
  9. Aquele primeiro quote que escolheu me deu um tapa nas fuças. Que forte. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  10. Gente, que trama intrigante. Fiquei interessada! Achei muito legal tanto a temática, como o que esperar da história.
    Pena que perdi o dia do ebook grátis hehehehe
    Mas, vou ficar de olho! Apesar de que será uma série meio grandinha. Mas, se a gente gostar do que está lendo, quer mais que tenha mais e mais pra ler mesmo.
    Abraços

    Carol, do Coisas de Mineira

    ResponderExcluir
  11. Oi! Tudo bom?

    Achei todo o contexto bem original e me interessei pela obra. Confesso que não conheço a autora, mas estou a tanto tempo me planejando para iniciar esse gênero que talvez seja bom iniciar por ele. O fato de ter continuação (já que esse é o livro 1), me deixou intrigada. De qualquer forma o contexto me conquistou e obrigada pela dica.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  12. Gostei bastante do artigo de hoje, sempre estou aqui acompanhando seu blog. Tenho aprendido muitas coisas legais aqui e te agradeço por compartilhar...

    Beijos 😘.

    Meu Blog: Dicas da Web

    ResponderExcluir
  13. Oi, eu já baixei o meu e-book lá na Amazon. Que tenso tudo isso que acontece com a Hanah! Gosto de histórias com esse ar sombrio e fiquei bem curiosa para ler ele depois de conferir como foi sua experiência de leitura.

    ResponderExcluir
  14. Fiquei bem perdida hahahah mas eu achei o enredo nem diferente e parece uma história muito bem escrita. Não conhecia, mas vou deixar a indicação salva porque mesmo não sendo meu gênero favorito (sou medrosa rs) me chamou muita atenção!

    ResponderExcluir

Visitas!

Quem você quer ler?!

Receba os posts do blog!