quarta-feira, 24 de março de 2021

{OPINIÃO} Garota, Mulher, Outras - Bernardine Evaristo

 Olá brilhinhos, como vocês estão?

Hoje eu vim conversar sobre um livro que mexeu bastante comigo. Quando eu recebi ele no fim do ano passado, eu fiquei bem curiosa com a leitura, mas eu não tinha ideia da dimensão desse livro. Vou tentar colocar em palavras tudo que eu senti na leitura, mas já adianto que será dificil.


Compre o livro na amazon e ajude o blog a continuar existindo!

Garota, mulher, outras é um verdadeiro marco da ficção britânica. O romance causou furor quando publicado: venceu o Booker Prize em 2019, foi aclamado por nomes como Barack Obama, Roxane Gay, Ali Smith e Tom Stoppard e incluído nas listas de melhores livros do ano por veículos como The Guardian, Time, The Washington Post e The New Yorker. A forma, por si só, não é nada convencional: trata-se de um gênero híbrido, composto de versos livres e sem pontos-finais. O resultado é uma dicção singular e envolvente, que prende o leitor da primeira à última página.

O pano de fundo dessas histórias é uma Londres dividida e hostil, logo após a votação do Brexit: um lugar onde as pessoas lutam para sobreviver, muitas vezes sem esperança, sem que as suas necessidades sejam atendidas e sem que sejam ouvidas. Nesse ambiente opressor, as vozes de Garota, mulher, outras formam um coro e levantam reflexões poderosas sobre o machismo, o racismo e a estrutura da sociedade.

Tradução de Camila Holdefer | Livro cedido pela editora

 Um bom ponto pra começar esse texto é: esteja preparado. Sério. Quando eu comecei a leitura, eu dei uma estranhada pelo fato desse calhamaço todo ser narrado em verso, então eu demorei um pouco pra entender o que tava acontecendo e pegar o ritmo da narrativa, mas depois disso, a coisa fluiu de formas inexplicáveis.

Esse livro vai falar sobre várias mulheres, cada capítulo uma mulher diferente, que de alguma forma estão interligadas, todas elas tem suas histórias, seus medos, suas feridas mas todas elas tem uma ligação em comum. E pra mim, esse foi o charme de toda a história.

Durante a leitura, eu fui ligando os pontinhos e percebendo como a vida dessas mulheres, mesmo tão distintas, tem muito em comum e é absurdo demais pensar nisso. Eu conversei muito com esse livro principalmente na parte das personagens lésbicas, elas falam sobre misoginia, sobre o feminismo radical, sobre sociedades matriarcais, relacionamentos abusivos, sobre a raça e a cor, foi um livro que me agregou muito em muitos aspectos, ele vai reverberar em mim por muito tempo, tanto é que meu exemplar tá todo riscado e cheio de anotação!

É uma leitura que dói, pois além disso, tem cenas de abuso, cenas de racismo, de abandono, tem muita coisa pesada nesse livro e que, na verdade, a gente acaba tratando isso como algo comum, como algo que acontece e a gente deixa passar e esse livros escancara essa realidade e joga na nossa cara sem dó nem piedade. 

Como eu sempre falo aqui, tenho muita dificuldade em colocar em palavras livros que eu gostei muito, mas acho que é isso. Se você puder ler esse livro, leia. Ele vai te destruir, mas depois vai colar todos os pedacinhos.



12 comentários:

  1. Oi Bianca!!

    Menina que livro incrível!! Adorei toda premissa dele abordando tantos tópicos importante e necessário para a visão social, além claro de usar o Brexit como pano de fundo, até hoje esse B.O. reverbera na Europa, adorei a resenha, espero conseguir ler esse livro em algum momento, vou por ele na lista de leitura!!

    Beijos!
    Eita Já Li

    ResponderExcluir
  2. Oi Bianca.

    Que livro incrível!
    Além da capa ser maravilhosa, você apresentou um livro que despertou minha total atenção. Pela sua resenha deu para notar que será uma leitura forte e ao mesmo tempo importantíssima. Adoro quando encontro dicas de livros que escancara essa realidade. Já entrou na lista de desejados e vou tentar adquiri-lo o mais rápido possível. Parabéns pela resenha.

    Bjos
    https://consumidoradehistorias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Parece ser realmente uma leitura densa e que dói, mas tem assuntos que devemos saber mais né? É uma realidade que às vezes não é nossa, mas é do nosso próximo ou de algum ser humano e que machuca, deixa cicatrizes e precisamos entender. Não conhecia a obra, mas depois de tudo que disse quero ler. Ótima resenha viu?! E entendo quando às vezes é difícil colocar em palavras livros que nos tocam demais.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Eu amo gêneros híbridos bem desenvolvidos, o fato de não ter pontos é um desafio gostoso para leitura, ao menos para mim. Está em minha meta de leitura e amei ler sobre sua opinião.

    ResponderExcluir
  5. Suas postagens são ótimas, estou seguindo seu blog e curtindo bastante!! Parabéns!

    Meu Blog: Lotomania

    ResponderExcluir
  6. Oiiie!!! Acho que pela primeira vez por aqui, voltei pro blog e estou procurando blogs para acompanhar que estajem ativos, amei o seu por sinal!!!! Não lembro ja conhecia antes, enfim....

    Sobre o livro amei, não conhecia e sim é de fato um livro bem forte, amei sua opinião, mas não sei se rolaria para mim nesse momento, mas vou anotar e dica e lembrar de vc se caso eu ler um dia.

    https://quemevcbrubs.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi Bianca, sua linda, tudo bem?
    Eu acho que já vi essa capa em alguma divulgação, mas é a primeira resenha, salvo engano, que eu leio. Não sabia o que esperar da história e não sabia que seria algo tão forte assim. Acho muito importante dar voz a tudo o que está acontecendo no mundo, histórias assim são extremamente necessárias, precisamos repensar nosso modelo de sociedade, precisamos mudar, para ter um mundo com mais respeito e amor. Dica mais do que anotada. Adorei sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  8. é bem uma leitura que eu classifico como dolorosa e necessária, quanto mais lemos sobre esses assuntos e vivências e sentimos empatia melhor nos tornamos como pessoa, eu quero muito ler.

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem? Acho que realmente dá para sentir o impacto da história já na premissa, o que só se confirmou quando li sua resenha. Quero MUITO ler esse livro por todos os comentários já ouvidos que são positivos. Não sabia dessa narrativa diferenciada, mas vou preparada para estranhar inicialmente. Resenha maravilhosa, como sempre! Amei!
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá!

    Sua resenha parece um meme que eu vi esses dias "Esse livro destruiu meu emocional, nota 5". Brincadeiras a parte, eu não conhecia o livro e você fez uma bela apresentação, me dando uma sensação de obrigação de ler (de forma positiva), acredito que a forma de narrativa vá me atrapalhar a princípio, mas já estando preparada para isso é meio caminho. Adorei a dica, vou conseguir meu exemplar o mais rápido possível.

    Beijos
    Leitura Terapia

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    O livro parece ser bem tenso, eu acho que ficaria bem impactada (ao menos parece pela sua resenha). Talvez eu demorasse pra entender por conta do formato (já que versos não sao meu forte), mas mesmo assim achei tudo bem diferente e interessante.

    ResponderExcluir
  12. Olá, acredito que a leitura seja muito sensível, adorei suas considerações sobre ele, como não o conhecia ainda adicionei em minha lista de desejados, fiquei bem curiosa pela leitura.

    ResponderExcluir

Visitas!

Quem você quer ler?!

Instagram